189 | minha teimosia me serve de alguma coisa?

aérea
2 min readMar 14, 2023

Tem ficado mais difícil vir aqui e me percebo querendo só abandonar esse espaço porque afinal de contas, pra quê? Qual é o sentido? Não é mais aqui que acontecem meus processamentos e nem observações, não trago mais reflexões, trago sentimentos crus sem nenhum refinamento porque um dia me fez sentido o registro, será que ainda faz?

Parece uma teimosia inútil continuar algo que não faz sentido e também parece errado parar. Não quero largar pela metade e é essa teimosia inútil que acho que precisa se fortalecer. Não quero ser tão rígida que me quebro, mas também não quero sair voando com o menor ventinho. Me dei minha palavra e isso precisa me bastar. Acho que na verdade esse projeto é, mais do que qualquer coisa que eu possa inventar, uma declaração de amor a mim e parece que tenho falhado em me dar esse tempo de qualidade comigo mesma. Acho que depois de tudo preciso disso.

Tem ficado mais difícil estar aqui e sinto que esse é um ponto de virada importante porque é na dificuldade que a gente se supera, né? Além de que se eu só desistir nunca vou saber onde posso chegar e tenho certeza que vou me ressentir talvez pra sempre comigo mesma se eu não cumprir com minha palavra e seguir firme até o fim. Não posso correr esse risco. Não vou. Me recuso. Já passei da metade. EU JÁ PASSEI DA METADE!!!! E é por isso que a vontade começa a diminuir, porque ainda estou perto demais da metade e falta muito pro fim, mas já falta menos pro fim do que pro começo e eu realmente quero saber como tudo isso acaba. O que é um ano afinal de contas? Um ano em uma vida inteira. Dia após dia, um de cada vez, passando-se semanas, meses e tudo isso um dia depois do outro até que se torna um ano. Um ano na vida. Na minha vida. E é por isso que virou essa bagunça.

12 de março de 2023

--

--