344 | é isso aí né

aérea
1 min readAug 15, 2023

Tem alguns dias que estou trabalhando em um texto diferente e tem sido difícil. Quero desistir porque me assusta e porque acho que já passou tempo demais, mas também tenho tanto carinho pela ideia que pode ser maior do que eu se feita direito. E é aí que tá, botei pressão na parada e travei como sempre acontece.

Virginiana de lua em capricórnio né, não sabe não se levar a sério ela, mas tenho aprendido pouco a pouco a brincar. Venho me permitindo ser bocó em lugares que não na sua presença e o máximo que acontece é tirar umas gargalhadas de algum desprevenido. Nas aulas de circo agora eu sou a entusiasta das quedas, enquanto todo mundo faz movimentos lindos e polidos lá vou eu feito peixe fora d'água me destrambelhando toda no tecido.

O que é que pode acontecer se as pessoas souberem de tudo o que você faz? Pergunta a psicóloga. Julgamento é a palavra que surge em minha mente e assim que ela surge a cuspo para fora com nojo. Julgamento de quem, meu deus? E por que é que ele importa? Que se dane o julgamento, né? Mais fácil falar do que fazer, mas falar é um primeiro passo.

Tenho cultivado um texto aqui nos meus rascunhos e que espero que dê certo da forma como imagino que possa dar, mas se não der também tudo bem, tentei fazer as coisas de um jeito diferente e vou continuar tentando.

14 de agosto de 2023

--

--