53 | é por isso que estamos aqui

É incrível a proporção que as coisas tomam quando damos espaço a elas. Nem sempre é preciso chegar quebrando portas na base do murro para que elas se abram, às vezes, e, na minha humilde opinião, na verdade quase sempre, tudo o que se precisa é abrir uma fresta minúscula, é espiar pelo buraco da fechadura, é colar o ouvido na madeira e tentar ouvir o que espera do outro lado.

Tenho tido interações cada vez mais verdadeiras pela simples presença onde uma puxa a outra que puxa a outra que puxa a outra. Pequenos marcos marcam meu progresso e me lembro deles com um sorriso no rosto, quem me viu quem me vê quem ainda me verá. Saio de mim, me vejo de fora e escolho como quero ser vista não por qualquer outra pessoa, mas por eu mesma.

Desde que parei de tentar nadar contra a corrente e me entreguei para o fluxo da vida comecei a, quem diria, fluir. Toco de volta quem me toca e sou tocada por quem toquei nesse emaranhado de todes nós. Nesse contexto não existe certo ou errado, não existe bom ou ruim, existe o que faz sentido nesse momento ou não e sempre depende de para quem, sempre depende de onde vem.

Olho ao redor e sou grata por estar aqui cercada de inspiração e penso que não teria chegado aqui se não fosse por você, mas também penso que escolhi caminhar ao seu lado justamente por saber que você me ajudaria a chegar onde sempre quis e sempre precisei estar. Já falei e digo de novo, tudo na gente faz sentido, até quando não faz. Seguro suas mãos, olho em seus olhos e agradeço do fundo do meu coração.

27 de outubro de 2022

--

--

pelo visto esse é o meu diário

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store