275 | já deu de ser sobre mim

aérea
2 min readJun 7, 2023

Tem sido difícil sair de um estado de trauma, de alerta, de luto, de sei lá como chamar toda essa loucura que tem sido esses últimos anos. AnoS, plural. Parece mentira que passou tudo isso. Tem sido difícil aprender a regular minhas emoções de novo depois de tanta luta pra colocá-las pra fora do jeito que vem, sem processamento, sem análise, sem julgamento, sem noção. Tem sido difícil voltar a uma normalidade que sinceramente não consigo lembrar da última vez que vivi. Tem sido difícil crescer e lidar comigo enquanto adulta e enquanto criança ao mesmo tempo. Tem sido difícil colocar limites até pra mim, especialmente pra mim. Tem sido difícil navegar uma vida instável mesmo sabendo que toda vida é instável, a gente nunca sabe, nunca tem como saber. Tem sido difícil encontrar a linha entre não projetar futuros e ainda assim fazer planos para além de semanas. Tem sido difícil me dedicar a tudo o que preciso e tudo o que quero e mais algumas outras coisas que não sei onde encaixar. Tem sido difícil cuidar da minha alimentação e da minha casa e dos meus gatos e do meu trabalho e dos meus estudos e dos meus relacionamentos e do meu bem-estar e ainda estar presente em vários lugares aos quais sou chamada. Tem sido difícil tomar decisões e fazer escolhas e parecem que são a mesma coisa, mas são diferentes e eu que não sei explicar. Tem sido difícil lembrar quem eu sou enquanto me descubro quem não sabia ser. Tem sido difícil estar estável o suficiente para lidar com uma vida que me instabiliza a cada passo. Tem sido difícil de acreditar sozinha. Tem sido difícil de estar aqui e por não estar aqui transbordo demais ali fora, na vida, nos outros, na hora errada e no lugar errado.

Tem sido difícil e falar no quão difícil tem sido faz ficar cada vez mais. Que quando eu me sinta perdiga eu me lembre do mar, do céu e do segredo que a mim por mim foi confiado. Que eu respire fundo e deixe fluir. Que eu me lembre do que eu sei naquele lugar que só sabe. Que eu me deixe levar na medida certa, que eu aprenda a dançar.

6 de junho de 2023

--

--